top of page
Buscar
  • Foto do escritorContemplado Digital

O que é consórcio de veículo?

Atualizado: 4 de set. de 2023

Consórcio de veículo é uma modalidade de compra coletiva de veículos, na qual um grupo de pessoas se une para formar uma poupança comum e adquirir bens de forma parcelada. Cada participante do grupo paga uma mensalidade e tem direito a uma cota, que representa uma fração do valor total do veículo desejado. A cada mês, um ou mais participantes são sorteados ou podem dar lances para receber a carta de crédito, que é o documento que permite comprar o veículo à vista.

O consórcio de veículo se diferencia de outros tipos de financiamento ou venda de veículos por não cobrar juros, apenas uma taxa de administração e um fundo de reserva. Além disso, o consórcio oferece mais flexibilidade para escolher o modelo, a marca e o ano do veículo, podendo ser novo ou usado. O consórcio também permite que o vendedor transfira sua carta de crédito para outro comprador, desde que ele esteja contemplado e quite com as obrigações do contrato.


Uma mulher comprando um carro em uma consecionária
Consórcio de veículos com Contemplado Digital

Quais são as vantagens do consórcio de veículo?

Existem 4 principais vantagens na compra de consórcio de veículos. A primeira são as taxas de juros mais baixas. O consórcio não cobra juros sobre as parcelas, apenas uma taxa de administração e um fundo de reserva, que geralmente são menores do que os juros cobrados por bancos e financeiras. A segunda se refere às vendas mais rápidas. O consórcio facilita a venda de veículos usados, pois o vendedor pode transferir sua carta de crédito para um comprador interessado, sem precisar esperar pela quitação do financiamento ou pela aprovação do crédito.

Em terceiro lugar está a questão da maior flexibilidade. O consórcio permite que o comprador escolha o veículo que deseja, podendo ser novo ou usado, nacional ou importado, carro ou moto, etc. O comprador também pode usar a carta de crédito para quitar um financiamento existente ou trocar de veículo durante o plano. Por fim, mas não menos importante, está o maior retorno. O consórcio pode ser uma forma de investimento, pois o valor da carta de crédito é corrigido pela inflação e pelo valor do bem. Além disso, o comprador pode negociar descontos na compra do veículo à vista ou vender sua carta por um valor superior ao pago.

Quais são as desvantagens do consórcio de veículo?

Como em qualquer tipo de negócio, o consórcio possui algumas desvantagens e acreditamos ser muito importante falar sobre eles. Como no tópico anterior iremos falar sobre os quatro principais. O consórcio pode sofrer fraudes e golpes. Fazer um consórcio exige muito cuidado na hora de escolher a administradora e verificar sua idoneidade e reputação no mercado. Alguns golpistas podem oferecer cartas falsas ou cobrar taxas abusivas ou indevidas. Atrasos e imprevistos também são uma situação o consórcio depende da pontualidade dos pagamentos dos participantes e da realização dos sorteios e lances. Se houver inadimplência ou falta de quórum nas assembleias, pode haver atrasos na entrega das cartas ou na liberação dos créditos.

Atenção às taxas e impostos já que o consórcio cobra uma taxa de administração e um fundo de reserva sobre as parcelas, que podem variar conforme o plano e a administradora. Além disso, o comprador deve pagar impostos como IPVA, licenciamento e seguro obrigatório sobre o veículo adquirido. Por fim, pode haver perda de poder de compra se houver uma desvalorização do bem ou uma alta inflação. Nesse caso, o valor da carta pode não ser suficiente para comprar o veículo desejado ou equivalente.

Como funciona o mercado de consórcio de veículo no Brasil?

O mercado de consórcio de veículo no Brasil é um dos maiores do mundo, movimentando bilhões de reais por ano. Segundo dados da Associação Brasileira das Administradoras de Consórcios (ABAC), em 2022 foram vendidas mais de 2 milhões de cotas de consórcio de veículos no país, sendo 1,4 milhão para automóveis e 600 mil para motocicletas. O número representa um crescimento de 10% em relação a 2021.

A demanda por consórcio de veículo no Brasil é impulsionada por fatores como a dificuldade de acesso ao crédito bancário, os altos juros cobrados pelo financiamento tradicional, a busca por economia e planejamento financeiro e a valorização dos bens duráveis. Além disso, o mercado conta com uma ampla oferta de planos e modalidades de consórcio, atendendo a diferentes perfis e necessidades dos consumidores.

O mercado de consórcio de veículo no Brasil é regulado pelo Banco Central (BC), que fiscaliza as atividades das administradoras e estabelece normas e critérios para a operação dos grupos. O BC também mantém um cadastro nacional das administradoras autorizadas e das reclamações dos consumidores.

Quais são os principais tipos de consórcio de veículo?

Existem diferentes tipos de consórcio de veículo, que variam de acordo com o valor da carta de crédito, o prazo de pagamento, o tipo de veículo e a administradora do consórcio. Veja alguns exemplos:

- Consórcio de veículos novos: é o tipo mais comum e permite comprar um veículo zero quilômetro de qualquer marca ou modelo. O valor da carta de crédito é definido com base no preço médio do mercado e pode ser atualizado periodicamente. O prazo de pagamento pode variar entre 12 e 80 meses.

- Consórcio de veículos usados: é uma opção para quem quer economizar e comprar um veículo seminovo ou usado. O valor da carta de crédito é definido com base no preço médio do mercado e pode ser atualizado periodicamente. O prazo de pagamento pode variar entre 12 e 80 meses. É importante verificar as condições do veículo antes da compra e se certificar de que ele não possui pendências ou restrições.

- Consórcio de carros: é o tipo mais procurado e permite comprar um automóvel de passeio ou utilitário, nacional ou importado. O valor da carta de crédito é definido com base no preço médio do mercado e pode ser atualizado periodicamente. O prazo de pagamento pode variar entre 12 e 80 meses.

- Consórcio de motos: é uma opção para quem quer comprar uma motocicleta, scooter ou ciclomotor, nacional ou importado. O valor da carta de crédito é definido com base no preço médio do mercado e pode ser atualizado periodicamente. O prazo de pagamento pode variar entre 12 e 80 meses.

Quais são os cuidados e precauções que se deve ter ao investir em consórcio de veículo?

Investir em um consórcio de veículo pode ser uma ótima alternativa para quem quer realizar o sonho de ter um carro ou uma moto própria, mas é preciso tomar alguns cuidados e precauções para evitar problemas ou prejuízos. Para que tudo ocorra da melhor forma possível é necessário que você escolha uma administradora confiável. Antes de fechar um contrato, pesquise sobre a reputação da administradora do consórcio, verifique se ela possui autorização do Banco Central para operar e se ela cumpre as normas do Código de Defesa do Consumidor. Desconfie de ofertas muito vantajosas ou que exigem pagamento antecipado.

Leia atentamente o contrato, antes de assiná-lo, leia todas as cláusulas com atenção e esclareça todas as suas dúvidas. Verifique quais são os direitos e deveres dos consorciados, qual é o valor da parcela, qual é a taxa de administração e demais informações importantes sobre o investimento que você está realizando. Evite ofertas suspeitas, se você receber uma proposta de consórcio de veículo muito vantajosa, desconfie. Pode se tratar de uma fraude ou de uma empresa não autorizada pelo Banco Central. Antes de fechar qualquer contrato, verifique se a administradora do consórcio está cadastrada no site do Banco Central e se possui boa reputação no mercado. Além disso, leia atentamente as cláusulas do contrato e esclareça todas as suas dúvidas com o vendedor.

Pesquise o valor de mercado do veículo. Antes de escolher o consórcio de veículo que mais se adequa ao seu perfil, faça uma pesquisa sobre o valor de mercado do carro que você deseja comprar. Assim, você poderá comparar as diferentes opções de consórcio e escolher a que oferece o melhor custo-benefício. Lembre-se de que o valor da carta de crédito deve ser suficiente para comprar o veículo desejado, considerando possíveis variações de preço.


Por fim, inspecione a condição do veículo. Se você for contemplado com a carta de crédito e decidir comprar um veículo usado, não se esqueça de inspecionar a condição do carro antes de fechar o negócio. Verifique se o veículo possui algum defeito mecânico, elétrico ou estrutural, se está com a documentação em dia e se não possui multas ou pendências financeiras. Se possível, leve um mecânico de confiança para avaliar o estado do carro e evitar surpresas desagradáveis.

Investir em consórcio de veículo pode ser uma excelente alternativa para quem quer realizar o sonho de ter um carro próprio sem pagar juros ou entrada. No entanto, é preciso tomar alguns cuidados e precauções para não cair em golpes ou fazer um mau negócio. Por isso, siga as dicas que apresentamos neste texto e invista em consórcio de veículo com segurança e tranquilidade.


Se você quer saber mais sobre consórcio de veículo ou encontrar a melhor opção para o seu bolso, entre em contato conosco e fale com um dos nossos consultores especializados.

13 visualizações0 comentário

Коментарі


bottom of page