top of page
Buscar
  • Foto do escritorContemplado Digital

Consórcio vs financiamento: descubra o melhor

Atualizado: 4 de set. de 2023

Nesse blog você vai entender de uma vez por todas como escolher entre um consórcio e um financiamento. Vamos ser bastante honestos como sempre somos. Isso porque queremos apenas facilitar suas escolhas e desejamos que elas sejam boas para você. Reservamos o espaço de um blog inteiro para responder ao questionamento tão comum “qual o melhor: consócio ou financiamento?”.

Consórcio vs financiamento: os mitos mais comuns

Um dos mitos que se fala bastante é o de que o consórcio não vale a pena. Uma das razões mais citadas seria a de que você demoraria muito para ser contemplado. Só que isso tudo depende dos seus objetivos de vida. Se você deseja um investimento que seja mais em conta em comparação aos financiamentos bancários, é uma excelente opção. Isso porque os financiamentos cobram taxas muito mais altas que os consórcios. Às vezes, o valor real pago até o final é duas vezes o valor financiado. Por exemplo, se você financia um carro de R$ 60 mil, é possível que você venha a pagar R$ 120 mil até quitar a sua dívida. As taxas dos financiamentos normalmente são bem altas em comparação aos consórcios, e isso torna um consórcio bastante atrativo.

Um homem com a mão no queixo com semblante de dúvida
Consórcios Contemplados

Outro mito é o de que não é seguro. Isso também não é verdade, já que cada consórcio tem um fundo que garante que ninguém deixará de ganhar. Tudo isso é previsto em lei e precisa ser seguido. Vale conferir você mesmo a lei que regulamenta os consórcios no site do Planalto.

Além disso, não há cobrança de juros no consórcio. Diferentemente do financiamento, você tem a oportunidade, no consórcio, de não pagar entrada nem juros das parcelas. Uma das coisas que são bastante negativas são os altos juros dos financiamentos. Isso impede que se tenha um bom negócio. No fim das contas, a maioria das pessoas fica pagando durante muitos anos. Esse é um dos fatores daquilo que já foi colocado aqui: o fato de que muitas vezes o valor investido dobra até o final do pagamento.

Há outra questão envolvendo o financiamento que é bem importante. A burocracia nos contratos é bastante grande. Ao adquirir o crédito, existem mil e uma necessidades de comprovação, assinaturas e idas aos órgãos judiciais como o cartório e o tabelionato. Os bancos realmente não facilitam isso, e continua sendo uma imensa desvantagem em comparação ao consórcio.

Ainda mais um mito que envolve a garantia: no financiamento, o credor fica nominalmente proprietário do bem ou do produto. Isso quer dizer que aquilo que você financiar não será realmente seu até que você pague tudo.

Já no consórcio, há bastante tranquilidade em relação ao bem que você for contemplado. Ele será seu, e você poderá usufruir imediatamente após a contemplação. Também não é necessário valor de entrada, o que torna muito tranquilo parcelar. Além disso, ser contemplado e ter todo o dinheiro em mãos aumenta bastante a flexibilidade na negociação.

O que fazer?

Ficou claro nesse blog que você tem uma opção muito mais inteligente no consórcio. Ao menos se você não tem urgência em adquirir no que você está investindo. Pense bem antes de escolher entre os dois. Como você pôde ver a batalha entre consórcio vs financiamento é bastante acirrada. Mas se você está com tempo, opte pelo primeiro, pois ele possui muitas vantagens que o outro não possui.

Se você ainda ficou com dúvida e quer aprender ainda mais sobre a diferença entre consórcio e financiamento, assista ao vídeo de Dan Silva do Canal Compra Planejada.

Faça um orçamento de consórcio na Contemplado Digital!

Para isso, contate a gente pelo WhatsApp agora mesmo!

8 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page